317 Visualizações

Artigo – Os amores da sua vida

Os amores da sua vida

Os amores da sua vida são três, Deus, você e o outro. Ama-los não e uma opção. É um dever. Mas você deve cumprir esse dever como manda a lei. A lei do amor. Para tudo nessa vida existe lei, até para amar. A lei do amor foi dada por um desses amores, Deus.

Uma vez que Deus sabe tudo sobre o amor – pois como está dito em certo lugar da Bíblia, Deus é amor – tudo o que há na sua lei sobre o amor é bom. Tipo assim, se você amar como manda essa lei, pode estar certo de que vai se dar bem no amor.

O que diz a lei do amor? Isto aqui: “Ame o Senhor, o seu Deus de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todo o seu entendimento”. Jesus diz que essa é a primeira e maior lei do amor. Porquê? Porque dos três amores da sua vida esse é o primeiro deles, isto é, o amor mais importante da sua vida.

A lei que trata dos dois outros amores da sua vida, semelhante a primeira, diz assim: “Ame o seu próximo como a si mesmo”. As duas leis do amor põe ordem no amor. Você não pode amar o outro nem mais nem menos do que a si mesmo, mas, sim, como a si mesmo.

E se para amar o outro como a si mesmo, você tiver que amar menos a Deus, o seu amor ficou fora de ordem. Deus é o seu primeiro amor. O seu amor por ele deve vir antes de tudo e de todos. O seu amor por ele deve vir antes do seu amor por você e pelo outro. Cada amor deve estar no seu devido lugar.

Mas não se assuste com isso, não. Sabe uma coisa legal em Deus? Deus nunca é abusivo na sua forma de amar e ser amado. Em nome do amor, Deus nunca pedirá que você faça algo que faça mal para você e para o outro, os outros dois amores da sua vida. Mas o mesmo não se pode dizer do outro.

O outro, muitas vezes, pode pedir provas de amor totalmente absurdas. É aquela velha fala: “Se você me amasse…”. Toda vez que alguém lhe pedir uma prova de amor que faça mal ao seu amor por Deus, por você e pelo próximo, caia fora desse amor. Esse amor está fora da lei do amor de Deus.

Pr Genilson Soares da Silva